Entenda a Mastite Bovina

Guia de Doenças | Pecuária de Leite | 12 de abril de 2016

Uma das enfermidades mais conhecidas e que pode ocorrer nos bovinos leiteiros é a mastite. Essa doença consiste em uma inflamação da glândula mamária.

A mastite bovina possui a capacidade de provocar uma significativa redução na produção leiteira. Essa enfermidade atua causando uma severa inflamação na glândula mamária, tendo a possibilidade de acarretar desde a rápida redução na produção e também prejuízos na qualidade do produto final. Além disso, a mastite bovina também pode gerar transtornos mais sérios, tais como o óbito do animal enfermo e também riscos para a saúde dos seres humanos, por meio de microrganismos e toxinas que ficam atuantes no leite que vai para o consumo.

As características da mastite bovina

Essa doença é ocasionada especialmente por causa da ação de bactérias, infecção de fungos, atuação de algas e também vírus. De uma forma geral, a mastite bovina pode aparecer de duas maneiras: a forma clínica e a forma subclínica.

A forma clínica é a responsável por acarretar mudanças no leite e também transtornos no úbere do animal, salientando a elevação de temperatura e edemas. Já a forma subclínica não demonstra mudanças perceptíveis, no entanto ela é a mais comum, sendo a responsável pela morte e redução da produção de leite.

Diante de tais distinções, a mastite bovina é uma doença que exige também tratamentos diferenciados, sempre levando em consideração a forma como a enfermidade atua e progride.

É comum tratar essa doença por meio da utilização de medicamentos, um deles é o Mastizone, no entanto, para as situações em que a mastite bovina já está em um estágio avançado, um dos medicamentos recomendados é o Tylan, que pode ser administrado tanto nos bovinos quanto nos suínos.

É pertinente que seja efetuado um eficiente trabalho de prevenção contra o surgimento da mastite bovina, visto que é uma doença que pode surgir de forma repentina.

Para esse trabalho de prevenção, é recomendado que seja efetuado o manejo de propriedade, em que todos os aspectos de cuidado do animal são analisados, desde a ida dos animais ao pasto, a forma da ordenha, entre outros conceitos. A forma da ordenha, por exemplo, seja ela de caráter manual ou mecânico, deve receber a devida atenção.

A mastite bovina é uma doença que causa significativos prejuízos na produção de leite, bem como pode resultar em doenças para as pessoas, por isso, é necessário um cuidado constante.

COMENTÁRIOS

Mande sua dúvida!

    PECUÁRIA FORTE TV

    Por que as estradas da Real H são verdes?

    Fazenda Rromy: 50% Menos Tristeza e Controle de Carrapatos com Ectrol MD

    A Revolução da Pecuária Regenerativa: O Papel Transformador da Real H

    MAIS PROGRAMAS
    Estamos a disposição!