Mastite Fúngica: vilã oportunista causadora de inúmeros prejuízos – Parte II

Girolando | 5 de janeiro de 2016

Os sinais clínicos das mastites micóticas, na maior parte dos casos, não podem ser distinguidos das mastites bacterianas. Entretanto, o uso de antimicrobiano intramamário sem sucesso no tratamento ou a intensificação dos sintomas, com a continuidade da terapia, pode sugerir o desenvolvimento de uma etiopatogenia fúngica.

Caso ocorra uma falha nos mecanismos de defesa do sistema imunológico, os microrganismos inicialmente se instalam nos ductos e nas cisternas e posteriormente progridem para pequenos ductos e alvéolos das porções mais baixas do úbere, onde se multiplicam, provocando edema e destruição das células secretoras.

Medidas profiláticas são essências para o controle destes agentes e principalmente manter o sistema imunológico do rebanho em ação é o fator primordial na prevenção, pois pela dificuldade de diagnóstico, bem como de resultados com medicamentos alopáticos, tem tornado vacas com a mastite fúngica recomendadas como descarte no rebanho leiteiro.

No que diz respeito à produção de derivados lácteos, a contaminação do leite por leveduras pode afetar o produto final por meio de alterações organolépticas que ocorrem pela produção de enzimas lipolíticas e proteolíticas, além de outros derivados metabólicos produzidos pelas leveduras e pelos fungos leveduriformes.

O Objetivo destas informações é atuarmos com os produtos que tem ação no sistema imunológico, principal alvo e pouco abordado nos tratamentos convencionais.

*Protocolo sugerido:

Homeobase Convert H: 50 a 100g/cab/dia (*avaliar o desafio).

Homeobase Convert H Leite: 50 a 200g/cab/dia (*avaliar o desafio).

*Para desafios consulte o Departamento Técnico da Real H no (67) 3028-9000.

A primeira parte pode ser lida AQUI.

COMENTÁRIOS

Mande sua dúvida!

    PECUÁRIA FORTE TV

    Institucional Real H 2024 (Completo)

    Entrevista Nair Furrer Matos

    Produtores de Leite das Alagoas Visitam Grupo ACP Filhos e Netos

    MAIS PROGRAMAS
    Estamos a disposição!