Produtor leiteiro oferecendo ração para vacas leiteiras

Nutrição de Vacas Leiteiras – formula de ração concentrada

Negócios | Pecuária de Leite | 17 de dezembro de 2017

Uma boa nutrição para vaca leiteira se reflete na hora da ordenha.

E qual o profissional de campo que não se deparou com um produtor solicitando uma dica de formulação para ração concentrada capaz de alimentar o seu rebanho?

Muitos dos pequenos e médios produtores de leite utilizam-se desta estratégia; formulação de ração concentrada na propriedade para reduzir custo em até 30% no kg da ração. Utilizando-se de insumos de maior qualidade. Como suplementos energéticos, proteicos, minerais, vitamínicos e aditivos, ao invés do produto de pronto uso, de baixo preço e qualidade, disponível no mercado local e consequente de menor eficiência de produção.

Ou, em casos extremos, em que a sugestão de formula esteja errada, desbalanceada ou alterada, seja ela já repassada assim ou modificada pelo produtor, pela simples troca de insumo disponível ou mais em conta.

É claro que uma formulação, por mais simplória que possa ser, necessita de profissional especialista na área. Caso contrário, o produtor estará correndo sérios riscos de prejuízo. Seja pela perda de nutrientes não aproveitados pelo animal e consequente baixo desempenho de produção. Ou ainda, pelo risco de intoxicação e até de morte do bovino.

vacas leiteiras pastando

O objetivo aqui é fornecer informações. Até mesmo sugestão de formulação para ração concentrada para vacas leiteiras, claro que em sua integra de formula.  Assim, o produtor sabe que há alternativa de se produzir sua própria ração balanceada. Apresentando qualidade nutricional e riscos reduzidos.

O texto é de cunho informativo, sem pretensão de ensinar detalhadamente como formular ração para bovinos. São necessários anos de estudos em nutrição de ruminantes para estar apto a desempenhar corretamente esta função.

É claro que a alimentação é o ponto principal na criação de animais. Não sendo diferente na pecuária leiteira. Por ser a fração mais cara da atividade, deve-se ter bastante cuidado, para que não seja fornecida em excesso, ocasionando perdas financeiras pelo desperdício ou superalimentação, nem menor do que a exigência do animal, perdendo-se neste caso em desempenho e produtividade.

Para se formular uma ração de vaca leiteira, não basta apenas misturar alimentos e fornecer ao animal. É preciso que a dieta esteja balanceada, pronta a atender  todos as necessidades nutricionais do animal.

Para definir uma dieta, precisamos separar os animais em lotes, de forma que seja o mais homogêneo possível. Essa separação pode começar pela fase de produção hormonal do animal, condição de escore corporal (ECC), estendendo à raça, genética; produtividade da vaca, dentre outros.

Para vacas em lactação, normalmente, são separadas em grupos de acordo com a fase em que elas se encontram entre um parto e outro, que se distinguem:

vaca leiteira

1) Período seco: 60 dias pré-parto.

2) Início de lactação: 100 dias pós-parto.

3) Meio da lactação:  101 a 200 dias pós-parto.

4) Final da lactação:  201 a 305 dias pós-parto.

5) Primíparas: um grupo à parte de vacas em lactação.  Estes são os animais de maior exigência nutricional, pois também estão em crescimento. E também por serem dominadas, hierarquicamente, pelas vacas pluríparas, que são as dominadoras.

Pelos fatores acima descritos e muitos outros, é que a REAL H e seu departamento técnico apresentam sugestões de formulas de rações. Elas devem ser fornecidas durante a lactação, com um pacote tecnológico, visando uma melhora na quantidade e qualidade do leite (sólidos totais).

Abaixo estão fórmulas com 18% e 20% de Proteína Bruta, indicada para rebanhos de baixa a média produção e eventuais produtos como substitutos:

nutrição de vaca leiteira

formulação ração concentrada para vaca leiteira

EVENTUAIS SUBSTITUTOS:

NÚCLEO H LAC 300 M; núcleo mineral com Monensina (Aditivo) e Vitaminas ADE, especialmente formulado para a nutrição de bovinos leiteiros e que atende a diversas categorias e objetivos de produção, contemplando animais de baixa, média e alta produção de leite. Indicado para compor rações.

– Substituir por supl. mineral Real H Leite, Real H Vitaleite ou Lactomax, mantendo a inclusão de 3% na formulação da ração.

produto de nutrição animal para bovinos de leite da Real H. Uremax Leite

Ração Real H Uremax Leite

UREMAX LEITE; aditivo nutricional, contendo ureia pecuária extrusada em amido, com alta concentração proteica para bovinos de leite, enriquecido com macro e micro minerais e alto extrato etéreo (gordura protegida).

Substituir pelo UREMAX 100, em 3,5% de inclusão e a diferença de 2,5% sendo adicionada ao milho moído; pelo UREMAX 150, em 2,5% de inclusão e a diferença de 3,5% sendo adicionada ao milho moído; Pode ser utilizada a UREIA PECUÁRIA, porém a inclusão é menor, devido ao risco de toxidez, em 1% na formulação e a diferença de 5% sendo adicionada ao milho moído.

Devido a particularidades de região, quanto à disponibilidade de alimentos, disponibilizamos na sequencia, formulas com a utilização de outros grãos e cereais, como substituto de fonte proteica e energética, reduzindo a inclusão de farelo de soja e/ou milho, mantendo o nível nutricional da ração e com reduzido custo de produção.

Nas regiões Sul e Sudeste, com a disponibilidade do Farelo de Trigo para a alimentação bovina, podem utiliza-lo como eventual substituto nas formulações, como fonte proteica e energética, reduzindo a inclusão dos demais grãos e cereais.

nutricao vaca leiteira

formulação de ração concentrada para vacas de leite

Ainda na região Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste, a utilização do Farelo de Algodão, nas formulas das rações com 18% e 20 % de proteína bruta, sugerimos:

formula nutricao vaca leiteira

Formulação de Ração para vacas de leitePara utilizar o sorgo ou a aveia como fonte energética, incluir na formulação, com a substituição em até 30% da participação do milho moído, sem que haja interferência no consumo da ração ou alteração nos níveis nutricional.

Outros alimentos como a casquinha de soja, poderão ter a inclusão em formulações de ração de vaca leiteira, conforme a demanda do produtor. O Departamento Técnico da Real H se coloca à disposição para ajudar na formulação da ração e para dar mais informações.

nutricao vaca leiteira

gado de leite pecuaria pantaneira real h

COMENTÁRIOS

Mande sua dúvida!

    PECUÁRIA FORTE TV

    Institucional Real H 2024 (Completo)

    Entrevista Nair Furrer Matos

    Produtores de Leite das Alagoas Visitam Grupo ACP Filhos e Netos

    MAIS PROGRAMAS
    Estamos a disposição!