Parcerias no confinamento em alta

Confinamento | 17 de setembro de 2013

As parcerias entre pecuaristas e confinamentos prestadores de serviços ganharam novos formatos. Além da tradicional “diária” de hospedagem por animal, e da negociação em que o produtor fica com arrobas entregues e o confinador com as acumuladas durante o período de engorda, serviços como contratos por consumo de ração e cobrança por arroba engordada também estão disponíveis no mercado.

Essas duas novas modalidades ainda são pouco conhecidas e beneficiam tanto o produtor quanto a empresa. Nos contratos por consumo, por exemplo, é cobrado um valor de acordo com a quantidade de ração consumida pelo animal. Já no sistema por arrobas engordadas, o confinador combina com o cliente o quanto o boi vai engordar e o custo final por arroba.

As novidades foram tema de reportagem assinada pela editora assistente, Maristela Franco, que explica os dois sistemas em entrevista que pode ser vista abaixo:

Fonte: Portal DBO

COMENTÁRIOS

Mande sua dúvida!

    PECUÁRIA FORTE TV

    Por que as estradas da Real H são verdes?

    Fazenda Rromy: 50% Menos Tristeza e Controle de Carrapatos com Ectrol MD

    A Revolução da Pecuária Regenerativa: O Papel Transformador da Real H

    MAIS PROGRAMAS
    Estamos a disposição!